Sharing is caring!

O intercâmbio é uma ótima opção para aprender melhor um outro idioma e conhecer novas culturas. É também o sonho de muita gente que pretende ter a experiência de morar fora, conhecer novos lugares e até passear um pouco. A duração dos programas geralmente variam de um mês a um ano e os projetos podem contemplar estudo de idiomas ou cursos profissionalizantes.

É também uma troca de experiências que pode se dar nos âmbitos acadêmicos, culturais ou profissionais. São diversas as opções de intercâmbio disponíveis por empresas privadas e até mesmo por programas do governo federal. Basta procurar os melhores preços e programações e saber o que se adequa melhor às suas opções.

É difícil apontar qual seria o melhor país para estudar fora do Brasil. Isso porque cada destino oferece uma experiência diferente e, cada intercambista está em busca de uma determinada vivência. Ainda está em dúvida sobre qual o melhor lugar que se adequa as suas necessidades, não deixe de conferir essa lista.

  1. Morar no Canadá, seja para aprender um novo idioma ou buscar novas oportunidades, é o sonho de muitos brasileiros. Ano após ano, o país recebe não somente nossos conterrâneos, mas estudantes do mundo todo. Os números na área da educação também impressionam – o Canadá é o país “mais educado” do mundo, segundo um estudo realizado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico. Mais da metade dos residentes no Canadá possuem ensino superior completo e as universidades do país estão entre as melhores do mundo.
  2. Há alguns anos em alta entre os brasileiros, a Irlanda faz parte da União Europeia e fica localizada em uma ilha ao norte do continente. Muitas pessoas do mundo todo escolhem a Irlanda para estudar inglês, fazer curso superior ou trabalhar e, devido sua grande concentração de empresas do ramo de informática e tecnologia, Dublin é conhecida como o Vale do Silício Europeu. A cidade abriga grandes empresas sem perder a atmosfera de uma cidade pequena, onde é possível cruzar o centro a pé, ir para o trabalho de bicicleta e facilmente encontrar conhecidos na rua.
  3. Se você deseja passar somente algumas semanas nos Estados Unidos ou mesmo um ano letivo inteiro, o país oferece o intercâmbio certo para você. Donos da maior economia do mundo, os EUA impõem tendências tecnológicas, de cinema, moda e entretenimento mundiais.
  4. São muitos os motivos que fazem a Austrália ser bastante procurada por intercambistas: uma infraestrutura invejável, ótimo sistema de saneamento e transporte público, receptividade e também a facilidade no processo de retirada do visto. O país também possui excelentes índices de qualidade de vida, com instituições de ensino de alta qualidade, além de oferecer permissão de trabalho para estudantes internacionais.
  5. Educação de primeira, excelentes opções de cursos e a facilidade em conciliar os estudos com a possibilidade de trabalhar são alguns do motivos que muitos intercambistas escolhem a Nova Zelândia para estudar fora do Brasil.

Lembrando que existem alguns critérios para a realização do intercâmbio. “O aluno precisa ter mais de 18 anos e estar devidamente matriculado. Ele também passará por um processo seletivo e, por isso é importante que procure o núcleo de práticas de relações internacionais da sua instituição para entender como será cada uma das etapas e, claro, para obter mais informações e auxílio​ para viver essa experiência”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.